Um novo tempo

Tempão sem passar por aqui, espaço que me é tão querido…

Ando obstinada por uma mudança de rotina. Tá: coisa de segunda quinzena de novembro, proximidade de dezembro, fim de ano com promessa de fim do mundo. Também. Mas não só.

Tenho dito para os meus: 2013 terá um ritmo diferente, uma melodia mais suave, uma cor mais terna. Não mais o passar dos ponteiros há de ser alucinante: quero que o seja o sabor do jantar, junto à companhia preferida. Fim de semana com cara, jeito e lentidão de fim de semana. Lista de filmes desejados em dia; carinho e atenção jamais devidos; mãe, profissional, mulher, amiga e filha em equilíbrio. Metas que vão além da vontade de perder peso e começar uma atividade física. É mais.

Mas também por ter chegado à segunda quinzena de novembro, caminhando para dezembro e para o fim do mundo, experimento o sabor amargo da culpa. Culpa por não ter feito de outro jeito, por não ter preparado o terreno, por ter perdido (precioso, inestimável) tempo.

Mas vá lá: esperança é algo que me move! Há de haver tempo e disposição para fazer diferente. Para um tempo que me sorria e me faça sorrir.

Anúncios

Um pensamento sobre “Um novo tempo

  1. É isso aí prima, desanime não. Bola pra frente, com fé, esperança e muita vontade de realizar!!!!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s